Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2008

Continuar sempre...

"Pessoas são passíveis de erros...de falhas. As emoções são inexplicáveis... súbitas... A verdade mesmo que doa, sim é palpável...tangível... Algo que nem as pessoas, nem as emoções, podem mudar. O carinho, a ternura fazem desaparecer a instabilidade emocional... a constante sensação de insegurança, de jamais saber o que esperar no dia de amanhã. No entanto quando nos sentimos assim, de nada adianta ficar lamentando. O melhor a fazer é manter a calma... levantar a cabeça...seguir em frente, assumir o controle da situação... Lembranças? Sempre existirão... de momentos doces...das alegrias... cumplicidade... Mas devemos concentrar-nos no momento presente. Constatar que a passagem do tempo tudo modifica... Sofrimentos amorosos não matam pelo contrário... fazem-nos crescer. E ...depois de aprendermos várias lições so nos resta uma escolha: tornar-nos descrente da vida... ou apostar nos sonhos,na magia, nas possibilidades..."

Um ano...

Imagem
Já lá vai um ano desde que comecei a escrever … um ano, incrível, num ano aconteceram inúmeras coisas, boas e más, desde um amor que pensava ser impossível de esquecer e que provei a mim mesma que nada é inexequível, ninguém é insubstituível, novas amizades, que no entanto esmoreceram devido a sermos pessoal totalmente diferentes, amizades antigas que se distanciaram mas que já voltaram ao seu lugar, mas ainda há alturas em que me sinto desiludida com eles, desilusões essas foram abundantes neste ano, houve sonhos perdidos, muitas ilusões, perdas eternas, pessoas que passaram para o “outro lado” sendo uma delas a minha avó que tanta falta me faz, todos os dias, uma nova paixão que entrou de rompante na minha vida e permaneceu talvez em termos dúbios, mas tenho esperança, quero ter, que isso se altere e que possa viver esta paixão de alma e coração, … foram tantas as emoções, foram alegrias, foram tristezas, foram risos e sorrisos, mas foram muitas lágrimas também… Foi um ano em que me…
...Gosto de Ti... ..Desejo-te... ...Quero-te por inteiro... ...Apeteces-me... ...Gosto de ti...

O Primeiro Amor

Nunca se percebe bem por que razão começa. Mas começa. E acaba sempre mal só porque acaba. O primeiro amor não deixa de parte um único bocadinho de nós. Nenhuma inteligência ou atenção se consegue guardar para observá-lo. Fica tudo ocupado. O primeiro amor ocupa tudo. É inobservável. É difícil sequer reflectir sobre ele. O primeiro amor leva tudo e não deixa nada. Diz-se que não há amor como o primeiro e é verdade. Há amores maiores, amores melhores, amores mais bem pensados e apaixonadamente vividos. Há amores mais duradouros. Quase todos. Mas não há amor como o primeiro. É o único que estraga o coração e que o deixa estragado. Não há amor como o primeiro. [...] O primeiro amor é uma chapada, um sacudir das raízes adormecidas dos cabelos, uma voragem que nos come as entranhas e não nos explica. Electrifica-nos a capacidade de poder amar. Ardem-nos as órbitas dos olhos, do impensável calor de podermos ser amados. Atiramo-nos ao nosso primeiro amor sem pensar onde vamos cair ou de onde sa…

Tenho medo

Estou triste... e de certo modo sinto-me vazia... As vezes tenho a sensação que faço tudo errado... outras vezes parece que estou no caminho certo... gosto de ti... e ao mesmo tempo que continuo a criar uma ilusão na minha cabeça que vai correr tudo bem... cá dentro a razão diz-me outra coisa completamente diferente... as vezes tenho a noção que vou sair magoada... as vezes sei tudo ás vezes não sei nada... dizes que vais e que queres resolver a tua situação, mas será que é mesmo isso que queres???... de certo modo compreendo mas ... tenho medo...

Um Lugar

Imagem
"Todos temos um lugar que é apenas nosso,
Pequenas coisas secretas que nos constituem,
Segredos que tomam conta do tempo...

Um canto de lagrimas...
Uma fonte de forças que nos manda para a frente...
Uma vontade de ser feliz de uma maneira só nossa...

Dentro de cada um de nós
Há um pequeno mundo indescritivel...
Cada um desses mistérios atribui-nos uma unicidade que nos torna não piores ou melhores, mas diferentes de toda a gente...."

Apesar

Imagem
Apesar de sonhar até mesmo o impossível
Apesar de sorrir sem ao menos ter motivos
Apesar de cantar para disfarçar o pranto
Continuo a afirmar que a felicidade existe...

Apesar de acreditar e às vezes ser traída
Apesar de gostar e não ser correspondida
Apesar de falar e não ser compreendida
Continuo a acreditar que a amizade existe...

Apesar do sol nem sempre estar presente
Apesar da brisa se transformar em vento forte
Apesar da chuva muitas vezes ser agressiva
Continuo a admirar o esplendor da natureza...

Apesar de conviver com tantas dúvidas
Apesar de me perder nas incertezas
Apesar de viver em eterna busca
Continuo a agradecer o bom da vida!

Acaso...

Às vezes a vida leva-nos por caminhos desconhecidos… e pelos quais um dia dissemos que nunca iríamos caminhar neles… mas às vezes… a vida tem razões que até a própria razão desconhece… nada acontece por acaso…

Vida confusa... Não poderia ser mais simples?

Ultimamente não tenho escrito nada de pessoal, apenas alguns excertos que fui encontrando e gostei… a verdade é que nem sei bem o que escrever.. Porque é que a vida é tão confusa? Ou serei mesmo eu a faze-la confusa… acho que é um pouco de ambas… tanto tempo a viver um amor que já tinha acabado há imenso tempo , mas que eu não queria abandonar, porque ali estava uma grande parte da minha vida, da minha historia, e abandonar tudo isso, parecia que, praticamente dez anos da minha vida teriam sido em vão… mas assim, sem pedir ,sem procurar… entrou na minha vida alguém especial, alguém que me fez ver o passado com outros olhos, alguém que me obrigou a ver o presente, porque o passado já lá ia há muito tempo… aos poucos ele foi permanecendo, um pouco todos os dias, e sem eu dar conta começou a existir um sentimento que vai mais alem de uma amizade, começou a existir a paixão… podia ser assim tão simples não era… mas não… nada para mim é assim tão elementar.. claro que esta paixão não est…

Gosto de ti...

Imagem
“Quando se gosta, gosta-se da esquerda para a direita, da direita para a esquerda. De cima para baixo, de baixo para cima. Na diagonal. A cores. A preto e branco. A guache. A acrílico. A marcadores, a grafite, a caneta preta, verde e roxa. De pernas para o ar, de braços esticados. A fazer o pino, a cambalhota, a roda, a rodada. Gosta-se a plasticina, a carvão, a quente, a frio. A congelado, a escaldar. Gosta-se bem e mal passado. Gosta-se a correr, a caminhar. Gosta-se à chuva e ao sol. Gosta-se a rir, a gritar, a chorar, a falar, a berrar. Gosta-se às trincas, às garfadas, às colheradas. Gosta-se com prato e sem prato. Gosta-se com musica, com desenhos, com pinturas. Gosta-se com baton e com rímel. Gosta-se de olhos abertos, de olhos fechados, no escuro e à luz. Gosta-se por tudo. Gosta-se por nada. Gosta-se.
Eu, gosto. ...Gosto de ti!...”

O amor é...

Imagem
“…O amor é paciente, é benigno, o amor não arde em ciúmes, não se ostenta, não é arrogante ou rude, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera nem exagera, não suspeita o mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade. Tudo tolera, tudo acredita, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha…..”

Vamos... Vamos...

Imagem

O amor é ********

“Nascemos todos com vontade de amar. Ser amado é secundário. Prejudica o amor que muitas vezes o antecede. Um amor não pode pertencer a duas pessoas, por muito que o queiramos. Cada um tem o amor que tem, fora dele. É esse afastamento que nos magoa, que nos põe doidos, sempre à procura do eco que não vem. Os que vêm são bem-vindos, às vezes, mas não são os que queremos. Quando somos honestos, ou estamos apaixonados, é apenas um que se pretende.Tenho a certeza que não se pode ter o que se ama. Ser amado não corresponde jamais ao amor que temos, porque não nos pertence. Por isso escrevemos romances - porque ninguém acredita neles, excepto quem os escreve.Viver é outra coisa. Amar e ser amado distrai-nos irremediavelmente. O amor apouca-se e perde-se quando quando se dá aos dias e às pessoas. Traduz-se e deixa ser o que é. Só na solidão permanece…
O amor é fodido. Hei-de acreditar sempre nisto. Onde quer que haja amor, ele acabará, mais tarde ou mais cedo, por ser fodido. [...]“ Miguel Est…

No amor...

"... no amor os princípios, os meios, os fins são apenas fragmentos de uma história que continua para lá dela..."

Fazes-me falta...

Imagem
“….e pegámos na mao um do outro, guardando o que de melhor existiu em nós… dizemos palavras fortes, cheias de emoçao, de sentimento… procuramos nos olhos um do outro, aquele sentimento que fazia com que nao conseguisse parar de olhar para ti… enquanto tu corrias em busca do meu beijo, repleto de desejo… nestes instantes eramos felizes, nao era preciso mais nada… agora tambem somos, de maneira diferente, mas somos… estamos apenas a tentar habituar-nos a uma felicidade em que nao se cruzam nem beijos, nem olhares, nem um toque de pele… mas sim uma felicidade que é feita de palavras… seguiremos as nossas vidas, com ou sem pessoas interessadas, com a certeza absoluta que tudo o que diz respeito a nós, nos tornou mais fortes… nao interessa, nada interessa… porque basta um olhar e tudo irá voltar… e é isso que faz com que tudo seja especial… fica o nosso segredo… “

Inês Pedrosa in Fazes-me falta
Imagem
"E de novo acredito que nada do que é importante se perde verdadeiramente. Apenas nos iludimos, julgando ser donos das coisas, dos instantes e dos outros. Comigo caminham todos os mortos que amei, todos os amigos que se afastaram, todos os dias felizes que se apagaram. Não perdi nada, apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre."

Miguel Sousa Tavares

Um Dia vivi...

"Um dia vivi o sonho do azul do céu, junto ao azul do mar...Porque o Mundo era meu...E só eu...Nele poderia entrar!Por um instante de uma eternidade...Na alma...Senti...Tudo o que vivi!"

Vida madrasta...

Imagem
As vezes a vida é madrasta... ás vezes nada corre como queremos... ás vezes os planos que são feitos acabam por não se realizarem nem sempre porque desistimos deles mas, porque ás vezes nos cortam as pernas... tanto tempo a tomar coragem para mudar de vida, abandonar a rotina que não me dá prazer nenhum, perdi tanto tempo que agora a ultima oportunidade acabou, estou triste, muito triste, e também chateada porque nem sequer pude tentar... Durante toda a vida estamos sempre a aprender e a ultima lição de vida que aprendi foi que nunca devemos parar no tempo por comodismo, devemos tentar sempre alcançar os nossos objectivos sem esperar uma oportunidade melhor porque essa oportunidade pode não surgir e ai... perde-se tudo... Ontem quando soube que o sonho acabava ali, naquele momento, fui ao chão... agora estou-me a levantar devagarinho esta a ser difícil... precisava desta oportunidade para fugir da vida que levo, era um escape... enfim... ontem precisei chorar num ombro amigo, precisei…

Bom Fim-de-Semana...

Imagem

Cada pessoa é insubstituível..

Cada um que passa na nossa vida, passa sozinho,
pois cada pessoa é única e nenhuma substitui outra.
Cada um que passa na nossa vida, passa sozinho,
mas não vai só, nem nos deixa sós;
Leva um pouco de nós mesmos, deixa um pouco de si mesmo.
Há os que levam muito, mas há os que não levam nada;
Há os que deixam muito, mas há os que não deixam nada.
Esta é a maior responsabilidade da nossa vida
e prova evidente de que duas almas não se encontram por acaso.

Antoine de Saint-Exupéry

E assim é…

Imagem
"E assim é…
Tal como disseste que iria ser…A Vida é tão simples,
Porquê complicá-la?Uma tão curta história,
Sem Amor, nem Glória…

Esquecer o Passado,
Deixá-lo onde pertence…Ambos podemos fazê-lo,
Lá atrás ficará selado!

Esperar o Futuro…
Na dúvida daquilo que trará…
Juntos…Assim será?
Não sei, não quero saber!
Vou apenas esperar…!

Deixo tudo pra trás,
Volto a acreditar em ti, em nós!
Quero viver o Presente,
O Hoje, o Agora… Contigo!"